quarta-feira, 22 de dezembro de 2010

Manual de etiqueta para não manchar sua reputação na festa da empresa

Afinal, posso me portar como me comportaria em uma festa de amigos, por exemplo? Ou preciso me conter e deixar o divertimento de lado? Mas não é uma festa? Segundo a consultora de etiqueta Ligia Marques, "O principal é não esquecer que a comemoração está diretamente envolvida com o trabalho. Se a pessoa mantiver esse pensamento, as chances de errar são mínimas", explica.

Não exagere no álcool

Existem aqueles que exageram na dose de bebidas alcoólicas e aqueles que ficam com a boca seca a festa inteira, com medo de perder a reputação construída ao longo do ano.

De acordo com a especialista, o meio termo é ideal, assim você aproveita, mas não paga nenhum mico. "Você gostaria de passar vergonha na frente dos diretores e gerentes da sua empresa? Com certeza a resposta é negativa, não é mesmo? Então não abuse da bebida. O ideal é parar antes do que você acredita ser o seu limite", explica. "Mas, se a bebida está inclusa no cardápio da festa, significa que o consumo está liberado. Então, não precisa recusar só por que acha que vai fazer feio", diz.

A especialista também ressalta que ficar embriagado na comemoração pode, realmente comprometer a sua imagem perante os colegas e os diretores. "Não acho que os chefes fiquem observando os funcionários durante a festa, por isso afirmo que todos devem agir normalmente. Porém, se você ficar bêbado e começar a chamar atenção, é claro que todos irão perceber, e a consequência não será nada positiva. Afinal, quem deseja ter na empresa um funcionário que sabe se controlar?", diz a especialista.

Mas, se um amigo passar mal durante a festa por causa da bebida, a consultora explica que você pode (e deve) ajudar, mas faça isso com discrição para que as pessoas ao redor não percebam. "Se um colega da empresa começar a mostrar que está sob o efeitos do álcool, faço o possível para retirá-lo do ambiente", explica Ligia Marques.

Acerte no visual

Claro, que a roupa certa vai depender do tipo de festa. O seu visual deve casar com o estilo e com o traje dos outros convidados, mas algumas dicas servem para todas as situações. "No caso das mulheres, estão vetados os decotes exagerados ou as roupas cheias de brilho e supercurtas. Os homens devem ficar longe das peças extravagantes. Durante a festa da empresa, devemos respeitar as roupas que usamos para o trabalho. Afinal, é uma confraternização e não um desfile. Escolha a opção básica e bonita", diz Ligia.
Uma dica da consultora é conversar com os colegas de trabalho. Ao saber as roupas que eles vão usar, fica mais fácil escolher sua opção, sem ficar com medo de destoar do resto dos funcionários.
Azaração na medida certa

Está paquerando alguém do escritório? A festa pode ser um bom momento para você conhecer melhor a pessoa, mas, os beijos e os carinhos devem acontecer longe da festa e dos demais colegas de trabalho. "Mesmo que a empresa seja considerada liberal nesse sentido, é preciso tomar alguns cuidados. Pode conversar e bater papo com a pessoa, mas, se perceber que a coisa vai ficar mais séria, estique a noite em outro lugar e guarde as carícias para outro ambiente", diz a especialista.

Dance sem soltar as feras

Sua música preferida começa a tocar, então você corre para a pista e começar a dançar como se estivesse na sala da sua casa, certo?
Nada disso, de acordo com a especialista, dançar pode, mas fazer de conta que está na balada é um baita deslize. "Basta saber se controlar. Dance com classe, sem fazer movimentos espalhafatosos e que chamem a atenção, caso contrário, você pode virar a atração da festa - e de forma negativa", ressalta. "Outra dica é evitar a performance com músicas que apresentam danças provocantes e sensuais, como o funk", diz.

Na hora de comer

Normalmente, o convite da festa já vem acompanhado com o cardápio que será servido. Para evitar problemas, prepare-se para o momento da refeição. "O comportamento para a hora da refeição também é diferenciado, dependendo do tipo de festa. Mas, as dicas principais que servem para todos os eventos são: saber segurar os talheres de forma correta e educada, não lotar o prato de comida, não ficar grudado ao lado da mesa e evitar desperdícios", lembra a consultora.

Chame a atenção positivamente

Para chamar atenção positivamente basta não exagerar, além de conversar e ser simpático com os colegas. "Aproveite para conversar com aquelas pessoas que você não conhece muito bem. Se divertir e deixar de lado os problemas do escritório também ajuda", diz a especialista. "Vale lembrar que brigas e provocações devem permanecer longe da confraternização, por isso, se existir uma pessoa que não agrada, fique distante e evite manter contato, sem que as outras pessoas percebam, é claro."
Por Camila Michel - Revista Minha Vida - Yahoo!

Nenhum comentário:

Postar um comentário